França bane anglicismos no setor dos videojogos para preservar a sua língua

Estrangeirismos fora do sacré bleu

O Governo francês anunciou que vai banir anglicismos no setor dos videojogos para preservar a língua do seu país.

Termos como “Pro gamer” doravante será conhecido como “joueur professionnel” “streamer” , “joueur-animateur en direct”, “cloud gaming”, “jeu video en nuage”, e “eSports” , “jeu video de competition. O ministério da cultura francês defende que o mundo dos videojogos está repleto de termos ingleses que degradam a cultura e valores da língua francesa e “ergueram barreiras linguísticas para os franceses”.

O mesmo espera que com estas medidas a população jovem se identifique e comunique com mais facilidade.

FONTEThe Guardian
Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.
Subscreve
Notify of
guest
1 Comentário
Mais Antigo
Mais Recente Mais Votado
Inline Feedbacks
View all comments
antonio carlosD
antonio carlos
31 , Maio , 2022 14:41

como isso vai funcionar, vão multar quem usar os termos? duvido q os mais jovens vão parar de usar os termos por uma imposição do governo.