Boku no Hero e a Esperança

Artigo enviado por Adam.

É incrível notar como My Hero Academia (Boku no Hero Academia) tem crescido nos últimos anos, em 2018 ele ficou em 4° lugar como o mangá mais vendido do Japão, mesmo sendo quase um “bebê” com 217 capítulos, mas isso se deve a diversos fatores, porém não é o objetivo tratar de todos aqui, mas vou passar pela superfície de alguns e me aprofundar em uma questão.

Um dos pontos principais para ele ter ganhado destaque é a época de seu lançamento, que foi um pouco antes do fim de Bleach e Naruto, ou seja, os “órfãos” de ambos os mangás poderiam continuar lendo algo novo e que se parecesse um pouco com o que liam anteriormente (Existe Boruto, mas ninguém gosta daquilo, só lemos por amor a Naruto).

Outro aspecto que segue também o seu lançamento é o tema principal, que trata de heróis, e hoje o que temos no cinema que mais vende é exatamente esse tipo de filme, aí foi juntar o famoso útil ao agradável e temos um mangá que chama a atenção.

Mas temos as qualidades técnicas do mangá como sua história e desenvolvimento onde a maioria dos personagens tem um desenvolvimento muito bem feito não importando se é o protagonista ou um personagem secundário, um exemplo é que temos o Mineta se superando contra sua crise de atacar mulheres para salvar sua equipe contra uma professora. Algo que vai sendo criado no começo e resgatado sempre que necessário para o aparecimento de algum personagem que terá mais algum tipo de desenvolvimento.

Temos também e que não posso deixar de citar o fato do personagem principal não ser alguém que cresce descontroladamente, sim sabemos que ele será um grande herói e que será super poderoso, mas também vemos que ele não tem chance contra diversos oponentes e precisa de uma estratégia para vencer, coisa que não tivemos nos mangás citados acima (Ichigo enfrentou um cara que controlava o tempo, Naruto enfrentou uma mulher que anda em dimensões, Goku nem preciso dizer).

Mas por fim a gente tem a questão mais importante que nós sentimos, mas não prestamos tanta atenção, Boku no Hero nos trás esperança de coisas melhores. Como assim? A maioria dos mangás atualmente tem histórias se superação incríveis, que nos fazem gostar do personagem, porém são muito fora da nossa realidade, porque é sempre um objetivo muito grande que eles conseguem, arrepia? Claro, mas não nos trás a sensação de que podemos conseguir também, coisa que acontece e muito aqui.

Quer um exemplo? Quem não se emocionou no começo do anime quando o Midoriya tenta salvar o Bakugou? A gente acha a cena normal, mas aí vem o All Might e descreve melhor a situação, todos ali tinham poderes e poderiam tentar algo, mas somente ele que não tinha capacidade nenhuma foi e aí se refletimos ele nem pensou, só foi salvar o cara que mesmo sendo idiota com ele nunca o fez deixar de sorrir.

Outra cena? Midoriya X Todoroki, o personagem principal faz de tudo pra salvar um cara que ele nem conhece, a luta é sensacional, porém muitos de nós lembram de algum amigo que passou por uma dificuldade e fomos ajudar ou fomos ajudados por alguém e que nem conhecia muito da gente, a cena se tona ainda mais prazerosa.

Vou citar somente mais uma que não envolva o protagonista, essa é do mangá e será spoiler então se não quiser ler e se surpreender depois.

A luta do Mirio sem poderes contra o Overhaul, aquela cena impacta, porque o Mirio tenta salvar a todo custo a Eri, ele perde os poderes e isso não o impede de continuar lutando, quem leu sabe o quanto aquilo arrepia todo nosso corpo.

Mas por fim, isso nos leva a algo que o anime/mangá tem mostrado muito bem, você pode conseguir o seu sonho, mas vai começar de baixo e sempre pode existir alguém melhor, mas mesmo assim você deve amar o que faz pra conseguir se destacar nisso, tem uma coisa que gosto de citar, existe uma passagem na Bíblia que diz que “Sem o amor de nada valeria” e em essência aprendemos isso em Boku no Hero e nem nos damos conta do quanto somos impactados no subconsciente, muitas vezes nos sentimos melhores e nem sabemos por quê.

Então sim você será melhor do que é hoje, mas tudo se trata de seguir em frente independente do que seja seu sonho.


Olá meu povo, é o Adam aqui novamente, vocês já devem ter lido algo que escrevi por aqui, se quiserem dar uma olhada nas outras coisas deixarei abaixo junto com minha página, tem algumas coisas lá antigas e logo menos estarei voltando para postar mais coisas.

Textos OtakuPT:

Tokyo Ghoul

Shingeky no Kyojin

Página no Facebook: Depois da Vírgula

Dúvidas, críticas ou sugestões de temas são bem vindos.