TOP 5: Os Melhores Filmes de Makoto Shinkai

01

 

Sejam Bem-vindos, caros leitores, ao mais novo TOP 5. Essas listas que se constituem de animes, mangás ou obras japonesas em seu geral que juntam cinco obras específicas e abordam seus melhores quesitos constituídos pelo que eles foram quotados dentro do TOP 5. Um detalhe que vale a pena sempre lembrar é: Os TOP 5 realizados e produzidos pelo próprio site da OtakuPT, não constituem uma opinião definitiva para todos os gostos e públicos, essa sempre será a opinião e o tópico criado pelo seu determinado autor e nós podemos discutir e conversar sobre se concordamos ou não com devido tópico, e claro, sempre respeitando a opinião do próximo no que diz respeito aos tópicos abordados.

 

Hoje, falaremos sobre as cinco melhores obras desenvolvidas por Makoto Shinkai, uma pessoa que chegou na indústria dos animes de uma forma relativamente recente, nos apresentando algo que vem faltando na indústria como um todo, que são obviamente boas histórias com boas narrativas e bons personagens humanos, onde nós conseguimos nos conectar com eles e se sentirmos imersos em suas aventuras.

 

02-hoshi-o-ou-kodomo

 

5º Lugar:
Hoshi o Ou Kodomo.

 

Nesse filme nós temos uma história de crianças que são colocadas em um contexto onde a nossa primeira personagem principal após se encontrar com eventos estranhos acontecendo a sua volta e a morte de uma pessoa que ela conhecia, estranhamente, ela decide partir em uma jornada para ser capaz de entender o motivo daquele acontecimento. Em contraponto, temos um outro personagem que conta uma lenda que é capaz de trazer as pessoas mortas de volta a vida. Coisas estranhas acontecem e eles decidem partir juntos para trazerem seus entes queridos de volta.

 

A História se desenrola, no início, em volta de dois personagens que após um tempo se juntam para irem atrás de um objetivo em comum. Se você já assistiu qualquer outra obra do Makoto Shinkai, sabe o quão importante é o foco no desenvolvimento de personagens, suas relações entre si e o quão importante são esses fatores constituídos pela narrativa de seus filmes. Ao longo do tempo, vamos criando uma conexão com os desejos dos personagens e compactuando com suas perdas, devido a narrativa explorar suas personalidades e nos mostrar o quão humanos são aqueles personagens – claro, em uma perspectiva japonesa de se desenvolver personagens. Mesmo assim, um dos grandes temas em volta desse filme são as conexões e o quão importante são os laços que temos não só com aqueles que sempre estiveram ao nosso lado, como aqueles que estão adentrando em nossas vidas e mais próximos de nós eles já estão, mesmo longe. É um filme com uma direção de arte excelente e uma trilha sonora exemplar, todos nos dias de hoje já devem saber o primor de Makoto Shinkai em torno de criação de cenários e direção de arte. Com todos esses elementos em conjunto, algo que se permanece em todas as outras histórias citadas nessa postagem, eu acredito e recomendo que você vá ver esses filmes, começar por esse. Não perca!

 

03-hoshi-no-koe

 

4º Lugar:
Hoshi no Koe.

 

O projeto de exploração de Marte foi destruído por um ataque alienígena em 2039. Sete anos mais tarde, as Nações Unidas lançam uma missão de busca e destruição dos aliéns no espaço profundo. Mikako e Noboru terminaram suas provas para entrarem na escola secundária… ou assim parecia ser. Entretanto Mikako é escolhida para participar como piloto desta missão, e isso os separa. Quando ela se encontra no espaço, sua única forma de comunicação é por e-mail, que demora cada vez mais para ir e vir, enquanto as naves espaciais viajam para fora do sistema solar. Seu amor sobreviverá à distância e o vácuo do espaço? O anime é um drama romântico que se passa em um futuro plausível onde a exploração espacial é realidade.

 

Mais um filme onde vemos que o grande tema central dele que vai percorrer o anime durante um bom tempo são as conexões, mas dessa vez, voltado para algo muito mais intimista, aquele relacionamento que temos durante bons anos e que nos vemos forçados a se ver longe dele e o quão doloroso pode ser a distância entre nós. Diversas vezes nós temos o sentimento de que as mensagens vão demorando para chegarem de ambos os lados e os questionamentos até mesmo vão se tornando mais nítidos: “Será que ela ainda manda mensagens para ele? Seria capaz de ela, sequer, estar viva?” e conseguimos notar o peso na voz e até mesmo nas ações do protagonista o quanto isso dói e o quão transformador isso é na sua vida.

 

Apesar de a animação ser muito feia e destoante dos cenários bem desenvolvidos mas ainda fracos, devemos saber que esse foi um dos primeiros animes que Makoto Shinkai fez e o quão importante estava sendo a empreitada dele em torno dessas animações. Ele confiava no seu tempo livre após a escola para desenvolver esses curtas e cada vez mais seus esforços foi sendo reconhecido pois sabíamos que ele tinha potencial para isso. Não deixem de conferir pois é uma excelente história.

 

04-kotonoha-no-niwa

 

3º Lugar:
Kotonoha no Niwa.

 

O Jardim das Palavras centra-se em Takao Akizuki, um aspirante designer de sapatos de 15 anos de idade, e Yukari Yukino, uma misteriosa mulher de 27 anos, em que ficam reunidos no Jardim Nacional Shinjuku Gyoen nas manhãs chuvosas. Enquanto Takao ignora as aulas da escola pela manhã para desenhar sapatos, Yukino evita o trabalho devido a problemas pessoais que se transportam para a vida profissional.

 

Kotonoha no Niwa lida bem com o desenvolvimento da maturidade humana e o quão diferente pode ser pessoas de idades distintas uma da outra e as limitações de um relacionamento devido os lados profissionais e sociais impostos pela vida. É um filme onde apesar do tema “conexões pessoais” ainda se manter, claramente o grande tema voltado para esse filme é “Relacionamentos”. Apesar de vermos a diferença clara na idade dos personagens e seus lados profissionais onde um é apenas um estudante aspirante a designer de sapatos e a outra é uma professora, sentimos o quão próximos esses personagens podem se tornar no tempo que eles passam juntos e o quão conectados eles conseguem ser um com o outro devido a um singelo encontro especifico do dia, a ponto de cada vez mais sentirmos a necessidade um do outro que querer se ver cada vez mais e mais. Apesar disso, o anime quebrará suas expectativas pois nada será tão bonito quanto parece ser.

 

Esse já é um filme onde Makoto Shinkai e a sua equipe cresceram, a produção aumentou e o desenvolvimento em torno dos cenários – filme esse que é mais a frente no tempo que o segundo colocado da lista, se tornou superiora e é um show de cenários e direção de arte. Mas, assim como o primeiro lugar, parece que as animações de Makoto Shinkai estavam conseguindo combinar personagens e movimentações junto aos cenários, pois sempre eram destoantes. Apesar disso, não deixe de assistir pois a mensagem em volta do filme e até mesmo as lições passadas por ele são muito fortes e muito inteligentes.

 

05-5-centimetros-por-segundo

 

2º Lugar:
Byōsoku 5 Senchimētoru.

 

Cinco Centímetros por Segundo conta a história de dois personagens que se conhecem na época de escola e se tornam íntimos rapidamente. Devido a desavenças da vida, eles são forçados a se separarem mas continuam se comunicando através de cartas e com o grande foco central do anime passa a ser a comunicação deles através das cartas, como o sentimento fortíssimo que eles tem um pelo outro vai cada vez mais e de forma gradativa se tornando mais forte, além da sua perspectiva como telespectador ia companhando isso e se comunicando com eles através dos sentimentos e a imersão conquistada pela narrativa devido aos elementos da história serem similares a diversos aspectos antigos da comunicação entre as pessoas ser abordado na história.

 

A distância entre eles e o sentimento de amor em distância sendo abordado é tão bem transposto que ao longo da história você consegue se sentir preocupado com o que ambos os personagens estão pensando um do outro pois é natural e humano o relacionamento desenvolvido naquele momento. Relacionamento a distância é um dos vários fatores da vida que sempre preocupam pois é um tipo de relacionamento difícil de se manter e onde vários questionamentos surgem na mente de ambos os lados: “Será que ele gosta mesmo de mim?”, “Será que ela se preocupa comigo?”, “Será que ela pensa em mim?”, “Será mesmo que ele ainda se importa com essas cartas?”.

 

Um dos únicos problemas em 5 Centímetros por segundo é o quão destoante são as animações dos personagens, movimentações e feições corporais de toda a ambientação construída pela direção de arte. Cenários incrivelmente lindos e majestosos, como é de se esperar do Makoto Shinkai.

 

06-kimi-no-na-wa

 

1º Lugar:
Kimi no na Wa.

 

A história se passa um mês após um cometa cair pela primeira vez em mil anos no Japão. Mitsuba, uma colegial que vive no campo, quer viver na cidade porque ela está cansada da vida no país. Então, há Taki, ele é um estudante do ensino médio que vive em Tóquio com seus amigos enquanto trabalhava como em meio período em um restaurante italiano. Ele também tem um forte interesse em artes plásticas envolvendo arquitetura. Um dia, Mitsuba sonhou de si mesma como um homem jovem. Por outro lado, Taki também tem um sonho em que ele é uma estudante cursando o ensino médio na zona rural. Qual é o segredo por trás de seus sonhos?

 

Eu tive a oportunidade de comprar Kimi no na Wa graças as suas vendas internacionais e exportei para o Brasil de forma legal e posso afirmar com toda a certeza de que, pelo menos, a parte técnica desse anime conseguiu juntar de forma majestral todo o desenvolvimento magnífico que a direção de arte da equipe do Makoto Shinkai teve feito ao longo dos anos em outros animes, adaptando também boas movimentações e boas animações dos personagens inseridos naquele mundo tão vivido e tão bem construído. Mas, como era de se esperar, a narrativa nunca fica para trás. Ao longo da história, vemos novamente que o grande tema que Makoto Shinkai gosta de trabalhar em suas histórias é a conexão dos personagens.

 

A dinâmica entre a mudança de corpos é feita de uma maneira que diferentes tipos de contextos começam a ser desenvolvidos, não somente o relacionamento dos personagens principais e como eles estão lidando com essas situações inusitadas, como também os relacionamentos deles com pessoas que eles nunca viram e tratando elas com uma perspectiva diferente e ensinando um ao outro sobre comportamentos, relacionamentos, trejeitos e até mesmo como se comportar e cada vez mais lições são aprendidas entre eles e a conexão vai ficando cada vez mais forte. Diferente de Hoshi no Koe, dessa vez temos pessoas longes uma da outra mas que criam uma dinâmica facilmente uma com a outra e sem sequer estarem juntas fisicamente, compartilham somente os mesmos corpos e um tempo limitado para se comunicarem. O desfecho desse filme é emocionante e aposto que vai te surpreender.

 

07-consideracoes-finais

 

Considerações Finais:
Não deixe de assistir!

 

Algumas pessoas costumam comparar Makoto Shinkai como sendo o novo Hayao Miyazaki da indústria de animes, porém eu prefiro discordar dessa afirmação e dizer que ele talvez esteja criando um novo tipo de desenvolvimento e formas de se trabalhar com histórias, algo que Hayao Miayazaki gostava de trabalhar com o sublime, o inesperado fantástico e já ele, Makoto Shinkai, prefere te colocar em situações humanas e trabalhar com a dinâmica delas de forma madura e em ambientes mais próximos de nós no que diz respeito as suas mensagens e premissas, nos conectando com aqueles personagens e falando diretamente conosco sobre o que ele deseja nos passar.

 

Makoto Shinkai possui um potencial incrível nessa indústria pois, finalmente, eu consigo sentir que pessoas estão criando novos conteúdos e querendo fazer algo interessante com essas histórias, trabalhando com sentimentos e relacionamentos humanos de uma forma madura e sincera no que ele quer passar. Não deixem de assistir nenhum desses filmes pois todos valem a pena, aprenderão muito com esses filmes.

 

Obrigado por terem lido mais um TOP 5 da OtakuPT, não deixe de acompanhar nossas notícias lançadas diariamente e não deixe de ler as análises e conteúdos especiais criados pela equipe da OtakuPT.

 

Até a Próxima!