Piores animes de 2021 pelos leitores OtakuPT

Qual foi para vocês o pior anime de 2021?

No rescaldo dos OtakuPT Awards 2021 aqui fica o TOP 5 dos piores animes de 2021 escolhido pelos leitores do OtakuPT.

Concordam com a lista. Qual foi para vocês o pior anime de 2021?

5Record of Ragnarok (Shuumatsu no Walküre)

Adaptação para série anime do mangá Record of Ragnarok (Shuumatsu no Valkyrie) de Ajichika (ilustração), Shinya Umemura (história) e Takumi Fukui (história).

Estreou dia 17 de junho na Netflix e a história de Record of Ragnarok (Shuumatsu no Walküre) começa quando os deuses convocam uma convenção para decidir se devem deixar a humanidade viver ou morrer, e decidem destruir a humanidade. Mas uma valquíria solitária apresenta uma sugestão para deixar os deuses e a humanidade lutarem uma última batalha, como uma última esperança para a sobrevivência contínua da humanidade. 13 deuses lutarão contra 13 campeões humanos em batalhas individuais para decidir se a humanidade vive ou morre.

Com animação pelo estúdio  (Expelled from Paradise, Hello World), a direção é de Masao Okubo (episódios 3 e 9 de Fullmetal Alchemist: Brotherhood), o argumento é de Kazuyuki Fudeyasu (Wandering Witch – The Journey of Elaina) e o design de personagens é de Masaki Saito. A música é da responsabilidade de Yasuharu Takanashi (Naruto Shippuden).

4Platinum End

Adaptação para série anime de , o mangá de  e  (Death Note, Bakuman).

A animação é do estúdio Signal MD. a direção da primeira parte é de Hideya Takahashi (Strike Witches: Road to Berlin, JoJo’s Bizarre Adventure: Golden Wind) e a da segunda é de Kazuchika Kise (Ghost in the Shell Arise, Ghost in the Shell: The New Movie), o argumento é de Hideyasu Narita supervisionado por Shinichi Inotsume (PERSONA 5 the Animation, Hayate the Combat Butler, Gangsta.), o design de cores é de Ayumi Ikeda, a edição é de Yūsuke Ueno (IMAGICA Entertainment Media Service) e a música é da responsabilidade de Masahiro Tokuda (Cestvs: The Roman Fighter, Last Hope).

O design de personagens é de Kōji Ōdate (No Game, No Life), a arte é de KUSANAGI, a direção de CGI é de Masanori Ikeda (Digital Frontier) e a direção do som é de Takatoshi Hamano.

O duo  e  (Death Note, Bakuman.) começou a lançar Platinum End na Jump SQ. da Shueisha em novembro de 2015.

Após a morte dos seus pais, o jovem Mirai Kakehashi é deixado aos cuidados dos seus parentes abusivos. Desde então, ele tornou-se sombrio e deprimido, o que o levou a uma tentativa de suicídio na noite da sua formatura no colégio. No entanto, ele é salvo por uma jovem pura chamada Nasse, que se apresenta como um anjo da guarda que deseja dar-lhe felicidade, concedendo-lhe poderes sobrenaturais e a oportunidade de se tornar o novo deus do mundo.

Para ganhar a posição, ele deverá derrotar os outros doze candidatos a se tornarem divindades nos próximos 999 dias. Logo, Mirai começa uma luta pela sobrevivência quando uma terrível batalha real irrompe entre ele e os candidatos que buscam obter o poder absoluto sobre o mundo.

3The Seven Deadly Sins: Dragon’s Judgement

Nanatsu no Taizai: Fundo no Shinpan (The Seven Deadly Sins: Dragon’s Judgement), a 4ª temporada da adaptação para série anime do mangá  / .

O staff e elenco são os mesmos da temporada anterior, The Seven Deadly Sins: Imperial Wrath of The Gods. A animação é novamente do com a colaboração do estúdio Marvy Jack, a direção é de Susumu Nishizawa (Hikaru no Go, Reikenzan: Eichi e no Shikaku), a história é de Rintarou Ikeda (Love and Lies, Hakyū Hōshin Engi, Love Tyrant) e o design de personagens é são de Rie Nishino (diretor da abertura de Kakegurui).

2The Promised Neverland (Yakusoku no Neverland)

Segunda temporada da adaptação para série anime do mangá Yakusoku no Neverland (The Promised Neverland), do autor Kaiu Shirai e da ilustradora Posuka Demizu.

A animação da série anime é do estúdio CloverWorks (Dakaretai Otoko 1-i ni Odosarete Imasu.), a direção é de Mamoru Kanbe (Elfen lied), história por Toshiya Ono (Blue Exorcist: Kyoto Saga), design de personagens por Kazuaki Shimada e a música é da responsabilidade de Takahiro Obata.

Quanto à história, Emma é uma órfã que vive num lugar chamado Grace Field House juntamente com os seus outros irmãos adotivos. Dois dos quais são Norman e Ray, que, juntamente com Emma, obtêm a pontuação mais alta nas provas diárias que são obrigados a fazer.

Emma nota que embora eles possam fazer o que querem, não podem deixar o recinto ou ultrapassar o portão que conecta a casa ao mundo exterior. Uma noite, Conny, uma das suas colegas é enviada para ser adotada e Emma apercebe-se que ela se esqueceu de levar o seu coelho, Bernie. Juntamente com Norman e com a ajuda de Ray, Emma abre caminho para encontrar Conny. No entanto, eles ficam chocados ao descobrir que Conny está morta e a casa é na realidade uma fazenda onde eles são criados e colhidos para se tornarem alimentos para criaturas demoníacas.

Para piorar as coisas, Isabella, a mãe e cuidadora das crianças está em sintonia com os demónios. Esta notícia abala Emma e Norman e eles prometem fugir juntamente com todos os seus outros irmãos.

1EX-ARM

Adaptação para série anime do mangá EX-ARM de Shinya Komi e HiRock.

Com animação pelo estúdio Visual Flight, a direção é de Yoshikatsu Kimura (filmes live-action de 20th Century Boys e Ajin), o argumento é de Tommy Morton e a música é de Sō Kimura. A Crunchyroll exibiu a série anime como um “Crunchyroll Original”.

A história do mangá desenrola-se à volta do estudante do ensino médio Akira Natsume. Apenas o seu cérebro é salvo quando ele sofre um violento acidente de trânsito, e mais tarde torna-se parte de uma arma avançada. Akira coopera com a divisão de contramedidas EX-ARM da polícia para recuperar as suas memórias e corpo.

Subscreve
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments