Idol Maho Yamaguchi fala que foi forçada a pedir desculpas após ser atacada

2

Dois homens são presos por agredir Idol do NGT48

Durante o mês de janeiro cobrimos todo o caso de uma grande polemica envolvendo a prisão de dois suspeitos de agredir a idol Maho Yamaguchi, o desabafo feito pela garota no Showroom do grupo NGT48 e em suas redes sociais, o pedido de desculpas feito pela garota em uma apresentação do grupo, a renuncia do gerente do grupo idol (Etsurō Imamura) e a entrada de uma nova administração.

Recentemente foi divulgado um relatório sobre uma investigação interna sobre o ocorrido e confirmando que um membro do NGT48 teve relações diretamente com fãs e isso havia proporcionado a eles tratamento preferencial. Porém a AKS, empresa que administra o grupo idol, anunciou que os membros apontados como culpados pelo ocorrido não irão receber qualquer tipo de punição. A AKS afirmou que tomou esta decisão alegando que a culpa foi da própria empresa ao não orientar ou criar as regras necessárias para os membros do NGT48.

Agressão a idol da NGT48 pode envolver outros membros do grupo

Após o anuncio do resultado do relatório a idol Maho Yamaguchi fez uma série de mensagens em seu Twitter comentado o ocorrido.

Segundo a idol, Takumi Matsumura (da agencia de talentos AKS) havia prometido para ela que os membros envolvidos no caso seriam demitidos do grupo e que ela não foi informada sobre a permanência deles. Ela também disse que o representante da agencia havia feito ela pedir desculpas alegando que se ela não realizasse o pedido outro membro do grupo ira ler uma carta no nome dela se desculpando de todo o ocorrido.

Yamaguchi finalizou suas mensagens pedindo desculpas por toda a comoção, mas que ela estava se sentindo melhor ao fazer isso. Ela ainda pediu desculpas para as pessoas que ajudaram e apoiaram ela durante todo este ocorrido e que acabaram expostas por tudo isso.