Killing Floor 2: Interstellar Insanity vai transportar-te para novas arenas

Leva a tua luta até a lua

A Tripwire Interactive anunciou que o jogo Killing Floor 2 vai batalhar noutros ambientes.

A expansão gratuita Killing Floor 2: Interstellar Insanity já aterrou na lua e vai transportar os jogadores da PlayStation 4, Xbox One e PC (Steam e Epic Games Store) a territórios desconhecidos. Um novo mapa, recompensas exclusivas, novos pacotes, e diversos itens cosméticos são apenas alguns dos novos elementos que podemos esperar desta emocionante expansão.

Esta também assinala o fim da trilogia de mapas Lockhart com o novo mapa. Os jogadores de Killing Floor 2 batalharão numa Base Lunar nos modos de jogo de sobrevivência, semanais e intermináveis, enquanto adquirem recompensas sazonais ao longo da viagem. Como o cenário trata-se do satélite natural da Terra tem baixa gravidade, e adiciona este novo elemento às lutas.

Landing with Killing Floor 2: Interstellar Insanity trata-se de um pacote gratuito que contem várias novas ferramentas para massacres na lua. Os utilizadores da SWAT podem equipar o HRG Bastion, um LMG com um escudo de energia para projeção de balas no espaço, e os utilizadores de Suporte podem encarar a luta com os punhos munidos com os HRG Blast Brawlers. Esta atualização também traz DLC e pacotes que incluem a FAMAS Masterkey para os ranks de Comando e Suporte, assim como o Thermite Bore para os Firebugs.

A loucura lunar continua com cosméticos baseados em astronautas.De regresso também está o frenetico zeds Summer Sideshow, que consiste e, dois novos modos de jogo (scavenger e aracnofobia) que são adicionados à rotação semanal e muito mais.

Para comemorar o lançamento da atualização e da temporada, a Tripwire Interactive vai estar a participar em várias promoções de verão em todas as plataformas! Certifica-te que segues as redes sociais da Tripwire Interactive para obter informações sobre descontos especiais e outras vendas.

Vindo de vários mundos e projetos, juntou-se à redação do Otakupt em 2020, pronto para informar todos os leitores com a sua experiência nas várias áreas da cultura alternativa. Assistiu de perto ao nascimento dos videojogos em Portugal até à sua atualidade, devora tudo o que seja japonês (menos a gastronomia), mas é também adepto de grandes histórias e personagens sejam essas produzidas em qualquer parte do globo terrestre.